domingo, 16 de Janeiro de 2011

De cabelos em pé...

 Uma vez, um Dermatologista disse-me que quando se arranca cabelo, este tente a ir perdendo a pigmentação. De início não dei valor mas, com o avançar da minha idade, vou percebendo que ele tinha mesmo razão!

Nas zonas massacradas pelo arranque do cabelo, sendo elas as zonas laterais e o cimo da cabeça, já são bastantes os fios brancos que têm vindo a crescer! Obviamente que não são todos, mas são mais do que aqueles que eu gostaria que fossem!

Conheço muita gente orgulhosa do seu 1º fio branco, mas eu não posso sentir o mesmo, pois esses fios brancos são consequência de outras coisas que não a idade. Já as rugas de expressão, que embora sejam poucas, orgulho-me delas!

Nota: Tenho recebido inúmeros e-mails e comentários a pedir ajuda! A melhor forma de vos ajudar é partilhar convosco o meu testemunho. 


10 comentários:

Anónimo disse...

Será mesmo disso, minha querida?
Como sabes, os fios brancos não têm a ver com a idade (aos 40, contam-se por uma mão, os cabelos brancos que me aparecem de qd em vez), por isso pode a trico não ser a causa...ou será?
De qualquer das formas, nada que uma boa tinta não resolva!:)

bji gde, meu doce
Nina

São disse...

Os cabelos brancos aparecem sempre...

Desculpará a pergunta, que faço porque é a primeira vez que aqui venho.

Já experimentou psicanálise ou psicoterapia? Não foi por este seu problema que fiz, mas posso garantir-lhe que foi a minha salvação.


Sinceramente, não aprecio muito a psiquiatria, pois há uma grande tendência para a medicação.

DE verdade lhe desejo que consiga superar a tricotilomania e que tenha um resto de dia bom.

Ros@ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

gente mesma... Então, se tiver interesse, tem um produto que não atrapalha o tratamento e melhora muito a auto estima...
Da uma olhada, eu conheço o produto e indico!
www.eternus.com.br
Trata se de uma prótese capilar, usa enquanto faz o tratamento, quando estiver melhor voicê pode tirar...

Anónimo disse...

O melhor é estar de bem com a gente mesma... Então, se tiver interesse, tem um produto que não atrapalha o tratamento e melhora muito a auto estima...
Da uma olhada, eu conheço o produto e indico!
www.eternus.com.br
Trata se de uma prótese capilar, usa enquanto faz o tratamento, quando estiver melhor voicê pode tirar...
É a prótese nacional.

Dayane disse...

Olha, eu também tenho tricotilomania des dos 15 anos e tenho 23 agora, e dos fios que nascem de novo muitos estão nascendo brancos. voces sabem se o cabelo pode parar de nascer?

xD disse...

bom comecei com a Tricotilomania bem novo com meus 9 anos de idade...hoje tenho 17 e estou curado dessa duença..muitos me perguntam como ? sempre tive o apoio de meu pai.. meu pai foi praticamente meu psicologo e deu muito certo.. mais o melhor tratamento msm.. foi usar boné.. vivia de boné e me ajudou muito a evitar a parar de puxar.. foi tipo uma barreira ( muitos falam.. ah mais é facil arrancar o bone da cabeça e puxar.. ) sim eu fazia isso varias vezes.. é uma sensação mt prazerosa de puxar o cabelo que só quem tem essa doença poode saber oq é isso.. Só q o boné ja é uma ajuda a mais.. e qdo eu começava a puxar eu dava um soco na parede no sofá e falava ( n vo fazer isso ) e colocava o boné denovo.. vivia de boné .. meu pai converso ate com o cordenador da escola onde eu estudava pára me autorizar a usar... sou muito ancioso e extressado.. procurei um novo tick tbm pra parar com isso.. hoje esfrego minhas maos frequentemente qdo fico ancioso e ajuda muito.. pelo menos isso n fere meu corpo..

tai uma dica galera... tomara q ajudem voces e se curem de vez q nem eu.. parei de puxar aos torno de 13 anos de idade..faz 3 anos q nao puxa e n tenho recaidas :D estou mt feliz... abraços

Anónimo disse...

É muito bom ler comentários de quem conseguiu vencer esse vício, é sempre uma esperança para quem tenta mil vezes e não consegue, o importante é não desistir nunca. Eu sofro disso há mais de 35 anos e não saberia dizer qtas vezes já fiz promessas e tive recaídas, as vezes só me dá vontade de morrer principalmente qdo me olho no espelho e sei que esse horror foi provocado por mim mesma. Mas continuo tentando, fico feliz que encontrei esse blog onde posso desabafar, pois nunca falei sobre isso com ninguém, consigo esconder muito bem meu problema, nem os familiares saabem pq escondo o máximo que posso, morro de medo que meus filhos peguem esse vicio. Desejo sorrte a todos

Karol disse...

Poxa, muito bom ver que existiram pessoas que conseguiram vencer essa doença.
Hoje estou cada dia mais preocupada com meus cabelos. Me deu bastante força ter visto que o rapaz conseguiu.
Tenho trico desde 15 anos, e hoje tenho 25 anos. São 10 anos que sofro, não costumo ir a praia como gostaria, molhar os cabelos e me sentir livre na frente dos outros...
Meu cabelo tbm está nascendo branco, tbm percibi que aumentaram, acho que não pela idade, mas não sei.. tá estranho...
Tbm uso chapeus de vez em quando e isso ajuda!
Obrigada por dá seu depoimento dizendo que ficou curado, me deu forças!

Anónimo disse...

Comecei com a trico aos 12 anos... hoje tenho 24 e nunca consegui parar... Mas também não procuro ajuda! Tenho muitas áreas do meu couro cabeludo danificada e quanto mais o tempo passa...pior fica! Meu cabelo continua a nascer depois de arrancado, porém cresce grosso e áspero! Além de fragilizar os outros fio que tem caído naturalmente! Sei que tenho que tomar uma atitude, mas simplesmente não consigo fazer nada a respeito! Mas é bom saber casos de pessoas que conseguiram vencer esse distúrbio!